Como a nuvem auxilia nos processos de backup?

backup em nuvem
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Não há dúvida quanto à crescente popularização da nuvem nos processos de backup, conduzidos pelos departamentos de TI das empresas. Grande parte disso, se deve à variedade de benefícios proporcionada pela nuvem.

Quem gerencia um departamento de TI, precisa assegurar que tudo esteja funcionando na mais perfeita sincronia. Quando necessário, todos os conjuntos de dados trabalhados pela equipe devem estar nos seus devidos lugares.

Qual a melhor forma de obter esses resultados? Tudo indica que a nuvem seja a melhor solução. Afinal, a soma das vantagens proporcionadas pela nuvem atribui à organização um elevado ganho de competitividade no mercado.

Resta saber quais são essas vantagens. Confira as principais delas na sequência.

Ampliação da segurança dos dados

Com o backup em nuvem, a empresa se livra das vulnerabilidades inerentes às cópias armazenadas em servidores físicos. Exatamente por serem físicos, esses equipamentos estão sujeitos a danos dos mais variados tipos, como qualquer outro item de hardware.

Na nuvem, os arquivos copiados ficarão protegidos por mecanismos de defesa constantemente atualizados. Toda a infraestrutura de proteção minimiza, consideravelmente, a probabilidade de invasão aos servidores.

Mesmo que alguém consiga invadir um desses servidores, pouco poderá fazer. Isso, porque os dados são fragmentados e distribuídos entre diversos locais de armazenamento. Difícil encontrar um grau de segurança desse nível em outro lugar, e sem ter que se preocupar com gastos extras para tanto.

Gestão facilitada

Geralmente, o setor de TI carrega aquela fama de ser uma área complexa e repleta de processos ininteligíveis. Evidentemente, o departamento detém, sim, uma carga de complexidade, mas nenhum gestor de TI aprecia procedimentos complicados, até porque eles vão contra a fluidez da rotina operacional.

Assim como os demais setores de uma organização, o objetivo maior é fazer tudo o que for necessário no menor tempo possível. Com os processos de backup transferidos para a nuvem, o setor de TI tem algo a menos com o que se preocupar.

As atualizações dos softwares, por exemplo, passam a ser programadas. Além disso, as alterações associadas à política e à rotina de backup e aos níveis de acesso são facilmente configuradas.

Flexibilidade vinculada à demanda operacional

Com a nuvem, a empresa também se beneficia da escalabilidade operacional. Então, a organização não precisará mais se preocupar com uma futura expansão dos backups. Isso, porque o espaço disponibilizado poderá ser facilmente ampliado.

Na prática, isso significa que a empresa sempre terá à inteira disposição uma infraestrutura de backup pronta para ser remodelada. Dessa forma, ela evita qualquer espécie de gargalo, um problema comum diante da necessidade de reestruturações operacionais.

Um dos pontos mais interessantes, é que a configuração do espaço de backup é redefinida pelo gestor a qualquer momento. O diferencial, nesse ponto, consiste em garantir que nenhuma cópia deixará de ser realizada.

Com um backup seguro e de rápida restauração, é possível conferir à rotina operacional um elevado nível de desempenho. Mesmo que haja algumas interrupções, elas devem causar um impacto mínimo no fluxo de trabalho. Como você viu, o ganho de eficácia dos processos de backup está intimamente relacionado ao uso da nuvem.

Quer saber como realizar processos de backup mais rápidos e eficazes? Assine a nossa newsletter e receba todas as novidades sobre o assunto diretamente no seu e-mail!

Relacionados

Newsletter 4Matt

Materiais Gratuitos

Tenha acesso a E-Books, Infográficos, Webinars e Vídeos

Posts Relacionados

TerraForm Logo
Governança

Terraform para governança de custos Cloud

Se você chegou até este artigo sobre Hashicorp Terraform, são grandes as chances de você ter responsabilidades DevOps (ou arquitetura Cloud) e está se perguntando:

Flexera Software
Governança

Flexera Software

A Flexera Software foi líder global no quadrante mágico do Gartner nos anos de 2018 e 2019 em soluções de Gerenciamento de Ativos de Software

Oracle Cloud
Governança

Oracle Cloud Infrastructure

A Oracle mudou sua estratégia de nuvem em 2020. A AWS, Microsoft Azure e Google Cloud Platform dominam o mercado público de nuvem, com 60%