Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Quando falamos sobre computação em nuvem (cloud computing), precisamos de alguma forma falar de uma plataforma CMP ou Cloud Management Platform para a gestão dos recursos em nuvem, especialmente com foco à gestão de custos (cost management) e segurança da informação (cybersecurity).

Recursos em nuvem pública (public cloud) podem gerar contas exorbitantes, então um olhar atento sobre o que está acontecendo e por que é imprescindível na área de tecnologia da informação.

Para falar de CMP ou Cloud Management Platform é sempre importante buscar referencias do Gartner onde todo ano ele classifica em seu Quadrante Mágico as plataformas existentes no mercado.

O Gartner concentrou suas análises em plataformas que podem gerenciar ambientes “multi-nuvem” ou nuvens hibridas (hybrid cloud) o que pode envolver também ambientes on premises como Vmware vSphere, Microsoft Hyper-v ou Linux.

A plataforma que falaremos hoje é a CloudHealth, líder nas pesquisas de empresas como Forrester e presente no quadrante magico do Gartner.

O que é CloudHealth?

Em agosto de 2018, a VMware anunciou um acordo definitivo para adquirir a CloudHealth Technologies. Mais de 3.700 empresas em todo o mundo usam o CloudHealth para gerenciar mais de US$ 6 bilhões em gastos em nuvem, adquirido a capacidade da plataforma de gerenciar facilmente custos (cloud cost), garantir conformidade de segurança, melhorar a governança e automatizar ações em ambientes de computação em nuvem hibrida.

O CloudHealth oferece às empresas a capacidade de otimizar e governar efetivamente seus ambientes locais on-premises AWS, Microsoft Azure e Google Cloud para impulsionar a tomada de decisões confiante e o crescimento mais inteligente. Existem rumores que no terceiro trimestre de 2020 a CloudHealth lançara seu modulo para controle de Oracle Cloud, sendo então pioneira no mercado.

Milhares de clientes em todo o mundo usam o CloudHealth Technologies para maximizar seu investimento em nuvem, melhorar a eficiência e mitigar os riscos de segurança. Com o CloudHealth, os clientes podem inovar mais rápido sem sacrificar o controle.

As funcionalidades do CloudHealth

As principais características da plataforma de gerenciamento de nuvem da CloudHealth incluem:

Coleta de dados: A ferramenta coleta e consolida dados de implantações em nuvem da empresa, incluindo de plataformas de nuvem pública (public cloud), como Amazon Web Services (AWS), Microsoft Azure e Google Cloud Platform (GCP), além de plataformas privada em nuvem (private cloud) como Vmware vSphere, Microsoft Hyper-v ou Linux.

Relatórios e análises (Visibilidade): O CloudHealth permite que uma equipe de TI visualize e analise os dados coletados por meio de relatórios e dashboards personalizados. Uma organização pode usar essas ferramentas para monitorar o desempenho e o uso de recursos em nuvem, como instâncias de máquinas virtuais, por usuário final ou departamento de negócios.

Visibilidade na nuvem e Transparência Obtenha visibilidade granular de cada uma das suas contas em todas as nuvens públicas por serviços, regiões, tags de recursos e muito mais.
Visibilidade e transparência da nuvem

Gerenciamento de custos: A plataforma permite que as empresas monitorem os custos dos recursos de computação em nuvem, identifiquem quais usuários ou departamentos de negócios mais gastam e prediquem custos mensais.

Governança e Relatórios Habilite a governança das plataformas para recuperar o controle sobre as nuvens. Baixe relatórios personalizados e compartilhe-os em plataformas integradas.
Governança da nuvem

Governança e segurança: a CloudHealth oferece recursos de governança de TI, como automação, gerenciamento de políticas e autorização, para ajudar uma empresa a manter a conformidade. A plataforma também inclui uma série de ferramentas de segurança, como controles de acesso baseados em funções, e envia alertas automáticos para um administrador quando as vulnerabilidades são detectadas.

Segurança na nuvem e Saúde Aplique as melhores práticas do setor que garantam segurança de ponta a ponta, otimização de alto desempenho e tolerância falhas.
Segurança da Nuvem

O CloudHealth também se integra com as ferramentas de segurança e monitoramento dos provedores de nuvem pública, como o AWS CloudTrail.

CloudHealth e a Migração para nuvem

Além do gerenciamento de nuvem, o CloudHealth oferece recursos projetados para ajudar uma organização com uma migração de nuvem pública (cloud migration).

A plataforma, por exemplo, permite que uma organização calcule seu custo total de propriedade para uma implantação em nuvem e identifique quais cargas de trabalho se mover para a nuvem primeiro com base em dependências de aplicativos e recursos.

O CloudHealth trabalha com plataformas em nuvem, incluindo AWS, Microsoft Azure, GCP e VMware. Ele também pode se integrar com ferramentas como Ansible, Alert Logic, Chef, Datadog, Docker, PagerDuty, Puppet e New Relic.

CloudHealth foi fundada por Joe Kinsella, Dan Philips e Dave Eicher em 2012 e está sediada em Boston, Massachusetts. É usado principalmente por administradores de computação em nuvem e outros profissionais de TI e negócios.

A plataforma Cloudhealth é base de um dos pilares fundamentais para a rotina de um CcoE (Cloud Center of Execellence), onde atua como provedora de visibilidade, controle e otimização das nuvens hibridas.

O que é um Centro de Excelência em Nuvem?

O Cloud Center of Excellence (CCoE) é um grupo de trabalho multifuncional que rege o uso da nuvem em uma organização, conduzindo as melhores práticas entre as funções.

O CCoE tem três responsabilidades principais:

  • Executar a estratégia em nuvem;
  • Impulsionar a colaboração e usando as melhores práticas recomendadas, como Tagging Management, por exemplo;
  • Avaliar e utilizar a tecnologias em nuvem para apoiar iniciativas de negócios.

Como o CCoE é composto por áreas de toda a organização — principalmente finanças, operações e segurança — os projetos e iniciativas que eles criam têm contexto e buy-in de inúmeras áreas fora de TI, garantindo que todos estejam trabalhando para o que é melhor para a organização.

O CCoE tem a tarefa de criar uma cultura de consciência financeira e responsabilidade, ambas cruciais para operar uma função CFM bem sucedida. Alguns dos benefícios indiretos incluem o aumento das margens de lucro bruto, diminuição dos gastos em nuvem (cloud spend), melhorar a velocidade de DevOps e se tornar mais proativo quando se trata de gerenciamento das nuvens hibridas.  

Se você quiser saber mais sobre como construir sua própria estratégia de Gestão Financeira em Nuvem, disponibilizamos este artigo original em inglês do site VMware. Marque também um HORÁRIO com um de nossos especialistas.

Nós somos a 4Matt Tecnologia, especialistas em Governança de Software e CCoE, Cloud Center of Excellence. Quer ter resultados fantásticos e um bom gerenciamento da sua nuvem? Preencha o formulário abaixo e faça um teste totalmente gratuito de nossa plataforma.

Trabalhe Conosco

Tag: cloud security, cloudhealth by vmware, cloud environment, costs monitoring, identify which workloads to cloud, cloudhealth partner, partner network, hybrid cloud management

Relacionados

Newsletter 4Matt

Materiais Gratuitos

Tenha acesso a E-Books, Infográficos, Webinars e Vídeos

Posts Relacionados

TerraForm Logo
Governança

Terraform para governança de custos Cloud

Se você chegou até este artigo sobre Hashicorp Terraform, são grandes as chances de você ter responsabilidades DevOps (ou arquitetura Cloud) e está se perguntando:

Flexera Software
Governança

Flexera Software

A Flexera Software foi líder global no quadrante mágico do Gartner nos anos de 2018 e 2019 em soluções de Gerenciamento de Ativos de Software

Oracle Cloud
Governança

Oracle Cloud Infrastructure

A Oracle mudou sua estratégia de nuvem em 2020. A AWS, Microsoft Azure e Google Cloud Platform dominam o mercado público de nuvem, com 60%