Comparando os novos Savings Plans com Reservas RI’s da AWS

AWS Savings Plans
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Atualmente, a maneira mais comum de economizar dinheiro de sua infraestrutura na Amazon AWS, além da estruturação de um Cloud Center of Excellence é por meio de instâncias reservadas (RIs).

As RI’s foram feitas para empresas que já sabem que irão usar grandes volumes de recursos ao longo de um período, e nestes casos, eles podem economizar algum dinheiro comprando de forma antecipada.

Esta compra pode ser por 1 ou 3 anos (upfront payment), mas se você não tiver um bom controle sobre o uso e principalmente, se não usar, você irá perdê-los e todo dinheiro que gastou.

Embora as Instâncias Reservadas ainda não sejam descontinuadas, parece que a AWS está tentando direcionar os clientes para os novos Savings Plans.

O evangelista-chefe da AWS, Jeff Barr, descreve os Savings Plans como “um modelo de desconto novo e flexível que proporciona os mesmos descontos que as Instâncias Reservadas, em troca de um compromisso em usar um valor específico (medido em dólares por hora) de poder computacional (compute capacity) sobre um período de um ou três anos.”

Os Savings Plans vêm em dois sabores: 

Compute Savings: a substituição de instâncias reservadas conversíveis, aplica-se automaticamente a qualquer instância EC2, incluindo clusters EMR, ECS ou EKS, e oferece um desconto de até 66%. O aspecto que irão mais gostar é que estes são aplicáveis em todos os produtos AWS, e você pode até mover cargas de trabalho entre as regiões e manter a mesma taxa de desconto.

EC2 Instance Savings Plans (EC2 Savings Plans): aplicam-se a famílias de instâncias específicas de uma região (instance types), proporcionando até 72% de desconto, como instancias do tipo Standard. Ele, permite que você selecione tamanhos diferentes do mesmo tipo de instância ou até mesmo mudar os sistemas operacionais do Windows para Linux sem afetar seu desconto com sua região de escolha.

Savings Plans AWS 4Matt

Veja como funcionam os Savings Plans:

O compromisso do Savings Plans é avaliado por hora e o desconto virá em todo o uso reservado até esse limite; depois disso, eles são cobrados em taxas on-demand.

Aqui está um exemplo rápido para ilustrar os pontos acima:

Você compra um Savings Plans inicial de US $ 10/hr por 1 ano, ($ 10/hr * 24 * 365 = $ 87.600). Se assumirmos que o Savings Plans tem um desconto de 66%, com o compromisso de US $ 10/hr poderíamos usar até US $ 30 de uso on-demand por hora. Qualquer uso acima disso será cobrado ao preço on-demand. Para o Savings Plans do Tipo de Instância EC2, todos os gastos dentro dessa instância da família (M5, T3, etc) na região especificada serão descontados até o compromisso por hora. Isso permite que os clientes alterem facilmente o tamanho das instâncias dentro da família e tenham a taxa com desconto.

Comparando Savings Plans e Reservas da AWS:

Embora os Saving Plans e reservas tenham muito em comum (ambos permitem que você assuma um compromisso monetário inicial em troca de um desconto) há várias áreas-chave em que diferem:

1.      Flexibilidade por regiões: A primeira melhor notícia desta mudança! Embora as reservas tenham se flexibilizado cada vez mais ao longo dos anos, uma área onde os clientes nunca foram capazes de fazer alterações é em todas as regiões. Os Savings Plans de Computação oferecem essa habilidade.

2.      Posso usar os créditos em qualquer lugar: Ao longo dos anos, a AWS lançou recursos para tornar as Reservas mais flexíveis, culminando em reservas flexíveis conversíveis e de tamanho. Mas para os clientes era necessário para tomar medidas de precaução para garantir que eles estavam sempre recebendo o melhor desconto. Os Savings Plans representam o mecanismo de poupança mais flexível e fácil de utilizar, com medição por hora.

3.      Aplicabilidade a vários serviços: A segunda melhor notícia! Esta é uma mudança sutil, por isso pode ter passado despercebida, mas é primeira vez que a AWS lançou um mecanismo de poupança que se aplica em vários serviços, neste caso EC2 e Fargate.

4.      Compra por hora, em vez de instâncias (AWS reserved instances): Outra mudança sutil, mas que requer uma mudança de mentalidade quando você está comprando Savings Plans em comparação com reservas. Savings Plans são comprados em um compromisso de dólar por hora, com o menor compromisso possível de US $ 8,760 por ano (isso equivale a 1/10 de um centavo por hora). Anteriormente, as reservas eram compradas com base no custo da instância.

Então aqui vai a nossa recomendação:

Você precisa ter cuidado antes de se comprometer com um Savings Plans, verifique se o uso histórico no qual se baseia é realista. Se você desativou recentemente alguns serviços ou se sabe que há planos para fazê-lo poderá pagar mais por hora do que precisa.

Baixe veja nosso artigo sobre redução de custos em AWS (cost management) ou baixe o E-Book sobre 10 melhores práticas para redução de custos em AWS.

Marque um HORÁRIO com um de nossos especialistas, ou vá mais rápido e faça um TRIAL em nossa plataforma para medir o uso dos recursos em AWS, AWS Markeplace, Microsoft Azure, Google Cloud  e definir a melhor compra de Savings Plans.

Nós somos a 4Matt Tecnologia, especialistas em Governança de Software e CCoE, Cloud Center of Excellence.

Relacionados

Newsletter 4Matt

Materiais Gratuitos

Tenha acesso a E-Books, Infográficos, Webinars e Vídeos

Posts Relacionados

Covid-19-recovery-will-be-digital-a-plan-for-the-first-90-days
Tecnologia da Informação

A recuperação do COVID-19 será Digital

A rápida migração para tecnologias digitais impulsionada pela pandemia continuará na recuperação. Veja como acelerar as capacidades digitais da sua organização para manter o ritmo

Snow-Software Aquires Embotics
Governança

Snow Software compra a Embotics

A Snow Software, líder no quadrante mágico do Gartner em Gestão de Ativos de Software (Software Asset Management SAM) e Cloud Management Platform CMP, adquiriu

CloudHealth by Vmware
Governança

CloudHealth, O que é?

Quando falamos sobre computação em nuvem (cloud computing), precisamos de alguma forma falar de uma plataforma CMP ou Cloud Management Platform para a gestão dos