4Matt Tecnologia

Benefício Microsoft Flexible Virtualization

Desde 1º de outubro de 2022, a Microsoft implementou melhorias significativas em seus termos de outsourcing e hospedagem (Hosting) que beneficiaram clientes em todo o mundo, com um “programa” chamado: Flexible Virtualization Benefit.

Mi

Estes benefícios adicionais possibilitaram novos cenários de como os clientes podem licenciar e executar cargas de trabalho (Workloads) com provedores de nuvem, incluindo aqueles executados com parceiros no programa Cloud Solution Provider.

Essas mudanças apoiam a capacidade dos clientes de transferir suas licenças para a nuvem de um parceiro, aproveitar de hardware compartilhado e ter mais flexibilidade nas opções de implantação para suas licenças de software, ou seja, usar recursos multicloud.

 

Aspectos essenciais:

  1. Qualquer licença de assinatura ou licença com Software Assurance pode ser “levada” para uma nuvem de terceiros ou plataforma de hospedagem usando do benefício de licenciamento BYOL;
  2. Os provedores estão automaticamente autorizados a usar do Flexible Virtualization Benefit, exceto, Amazon, Google, Alibaba e Azure, que possuem regras especificas de hospedagem de serviços e licenças Microsoft;
  3. Serviços de Microsoft 365, Office 365, Windows 11 e até mesmo Windows Server estão incluídos;
  4. O programa Flexible Virtualization Benefit se mostrou mais intereressante do que o License Mobility;
  5. Pela primeira vez o Windows Server recebeu regras equivalentes a License Mobility on-premises;

 

O que é o Flexible Virtualization Benefit:

Os clientes que possuem licenças de subscrição ou licenças com Software Assurance ativo (incluindo CALs) podem utilizar o software em dispositivos, incluindo servidores compartilhados, que estão sob a gestão e operação de Prestadores de Serviços Autorizados.

A citação acima é retirada dos Termos de Licença Universal.

Vamos explicar o termo “Prestador de Serviços Autorizados” usando outra citação:

Prestador de Serviços Autorizados: significa qualquer provedor de serviços terceirizado que não seja um Provedor Listado (Alibaba, AWS, Google e Microsoft) e que não esteja utilizando um Provedor Listado (Alibaba, AWS, Google e Microsoft) como Provedor de Data Center como parte do serviço de terceirização.

Podemos por exemplo listar alguns Prestadores de Serviços Autorizados no Brasil: IBM Cloud (antiga Softlayer), Oracle Cloud, Huawei Cloud, Equinix, Locaweb, Tivit, Cirion, Algar, etc.

Simplificando, é qualquer provedor de serviços, exceto Alibaba, AWS, Google e Microsoft.

 

Explicando o Flexible Virtualization Benefit:

 

Suponha que você possua licenças de assinatura ou licenças com Garantia de Software ativa (Software Assurance).

 

Nesse caso, você tem o direito de solicitar ao seu provedor de serviços que leve essas licenças (BYOL) para seu data center e as utilize em qualquer ambiente hospedado: compartilhado (multi-tenant) ou dedicado (único tenant).

 

Não há limite quanto ao tipo de ambiente. Ambientes compartilhados e dedicados estão incluídos.

 

Todos os softwares da Microsoft disponíveis como assinaturas ou licenças com Garantia de Software (Software Assurance) estão inclusos.

 

O Flexible Virtualization Benefit substitui o License Mobility do Software Assurance?

 

A License Mobility por meio da Software Assurance permanece intacta. É a única maneira de levar suas licenças para os Provedores Listados.

Fonte Oficial: https://www.microsoft.com/en-us/licensing/news/options-for-hosted-cloud

 

Posts Relacionados

Microsoft SPLA versus BYOL

Na paisagem em constante evolução da tecnologia da informação, a computação em nuvem tem se firmado como uma solução poderosa para empresas de todos os

Leia mais »